1

Nos pênaltis, São Paulo se classifica para as quartas da Libertadores

No pré-jogo o Universitário avisou que iria jogar como o time da Internazionale contra o Barcelona, pela Champions League, numa retranca desesperada. E foi o que aconteceu. O time peruano fez melhor que o time italiano e conseguiu não levar gols durante o jogo inteiro, resultado que levou a decisão para os penaltis. Rogério Ceni salvou o São Paulo de uma 'catástrofe'.

O jogo inteiro é resumido em um muro peruano com o ataque paulista tentando derrubá-lo de forma desorganizada, partindo pra cima de qualquer jeito, com chutões. Nada adiantou, muitas chances foram criadas, até bolas no travessão aconteceream, mas nada de gols.

A decisão foi para os penaltis em um clima tenso. Parte da torcida xingava Gomes de burro e parte vaiava, enquanto isso, os peruanos faziam sua festa.

A primeira rodada de penalidades parecia o início da tragédia. Ramirez não deixou Ceni aparecer na foto e fez o gol dos peruanos, Rogério foi para a cobrança e perdeu, lacrando a cobrança e fazendo o Morumbi calar.

A partir daí, Ceni fez o que tem que fazer, ser goleiro e defender. Pegou 2 e contou com a sorte de Labarthe chutar para a fora. Alternando as cobranças, os tricolores iam fazendo todos os seus gols. Coube a Dagoberto fazer o gol para fazer explodir o Morumbi.

Uma partida para dar moral para o time, porque futebol, pouco se viu hoje no Morumbi.

1 comentários:

Alexandre Terra comentou:

sufoco quase nada esse jogo! sou sao paulino, mas nao acredito q o sao paulo a vencer a libertadores! espero q eu esteja errado! mas o time nao ta bem!

5 de maio de 2010 16:30

Postar um comentário