1

Entenda o problema entre o Clube dos 13


O assunto mais citado na mídia durante os últimos dias é o racha no Clube dos 13. Se você não está entendendo nada do que está acontecendo não se preocupe, porque o Análise F.C foi atrás das informações e tentou resumi-las da forma mais clara e resumida possível.

O que é o clube dos 13?
Clube dos Treze (oficialmente União dos Grandes Clubes do Futebol Brasileiro) é o nome recebido por uma pessoa jurídica com sede em Porto Alegre, formada em 11 de Julho de 1987 para defender os interesses políticos e comerciais dos 20 principais clubes de futebol do Brasil (entre eles todos os 18 campeões brasileiros).

Qual o motivo da discussão?
Em fevereiro de 2011, alguns clubes discordam de medidas adotadas pela entidade e ameaçam dissidência e negociação independente. A discussão se refere apenas aos direitos de transmissão dos campeonatos de 2012 a 2014. Em 2011, as partidas continuarão sendo transmitidas pela TV Globo, TV Bandeirantes, SporTV e Pay-per-view.

Situação Atual
Quem já rompeu: Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo, Corinthians e Coritiba.
Quem deve romper: Santos, Grêmio, Palmeiras, Cruzeiro, Vitória, Portuguesa e Goiás.
Quem deve ficar: Internacional, São Paulo, Atlético Mineiro, Atlético Paranaense, Bahia, Sport e Guarani.

Futuro
Entre 2012 e 2014, a situação está totalmente indefinida. Corinthians, Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo e Coritiba já anunciaram que vão negociar os direitos de transmissão dos direitos de forma independente, sem a participação do Clube dos 13. Os outros times, por enquanto, seguirão o que for acordado com a entidade. TV Globo, TV Record e Rede TV! estão na disputa.

Cenários possíveis para o torcedor:

Melhor possível: Os clubes chegam a um acordo e apenas uma emissora (quem tiver a melhor proposta), ou um conjunto de redes de televisão, pode transmitir as partidas do Campeonato Brasileiro entre 2012 e 2014.

Pior possível: Os clubes não se entendem e acertam com emissoras diferentes. Se isso acontecer, serão transmitidas somente as partidas dos clubes que fizeram acordo com a mesma rede de televisão. Dessa maneira, se, por exemplo, Corinthians e São Paulo fecharem com TVs diferentes, os jogos entre as duas equipes ficarão sem transmissão ao vivo. Além disso, se a emissora que comprar os direitos não tiver cobertura nacional, algumas cidades ficariam sem assistir jogos.

Fontes: Wikipedia e Estadão.

1 comentários:

Rodrigo Carvalho comentou:

È UM BALAIO DE GATOS,ANGU DE CAROÇO,SAMBA DO CRIOLO DOIDO,ARANZEL,SEI LÁ QUAL O NOME DESTA GRANDE CONFUSÃO E,AGORA TODOS SÓ SE PREOCUPARÃO EM CARNAVAL E DEIXARÃO CORRER FROUXO ATÉ O FIM DO ANO,COMO É TÍPICO DO BRASILEIRO...

SE DEIXAREM PRA RESOLVER NA ÚLTIMA HORA SERÁ OUTRA BAGUNÇA E LAMBANÇA.
TODOS TEM DE ESFRIAR A CABEÇA E DISCUTIREM MUITO(EM TODOS OS SENTIDOS,SE POSSÍVEL)PARA ENTÃO CHEGARAM A UM REAL CONSENSO,SEM DISSE-ME-DISSE,FALEI-NÃO-FALEI,ETC.

O FUTEBOL É UMA COISA MUITO IMPORTANTE PRO BRASIL,ATÉ MAIS QUE MUITAS COISAS INDISPENSÁVEIS,PORTANTO ELES (OS CLUBES E O CLUBE DOS 13)DEVEM TRATAR ISSO DE FORMA MUITO SÉRIA E PARA QUE NÃO PREJUDIQUEM UM DOS MAIORES PATRIMÔNIOS DO BRASIL: O FUTEBOL!


ABRAÇOS!

http://www.digaofutebol.com/

27 de fevereiro de 2011 13:47

Postar um comentário