6

Análise sobre os times brasileiros na Libertadores até aqui



Com mais da metade da fase de grupos já completa, pelo menos na maioria, os times brasileiros já sabem exatamente o que precisam para chegar as oitavas. Alguns estão com a corda no pescoço, já outros respiram aliviados e comemoram a boa campanha que fazem.

Vamos analisá-los separadamente.

Cruzeiro: É o melhor brasileiro e talvez o melhor time da competição até agora, aquele que mostra o futebol mais convincente dentro da Libertadores com 10 pontos em 4 jogos. Em casa, média de 5 gols por jogo e com apenas 1 sofrido, além das três vitórias (uma contra o poderoso Estudiantes por 5 x 0), um empate sofrido contra o Tolima, algoz do Corinthians na Pré-Libertadores.
Cuca encontrou a melhor formação com Roger e Montillo na armação, mas também chegando para finalizar, e Wellington Paulista e Wallyson na frente, este último fazendo muitos gols. A defesa também está ótima, com destaques para o goleiro Fábio e o lateral Victorino.
A Raposa está praticamente classificada a segunda fase, resta saber se na primeira ou segunda colocação, e tem tudo para ir longe na LA.

Internacional: Depois de um início de ano conturbado, com eliminação precoce no 1º turno do gaúchão, o Internacional vem muito bem na Taça Libertadores, com 7 pontos em 3 jogos, sendo 2 fora de casa. O contestado Celso Roth adotou uma tática muito defensiva no primeiro jogo, utilizando 3 volantes, além de alterações ruins, o que culminou em levar o gol de empate nos acréscimos. Depois disso, o Inter vem acertando seu meio e ataque, fazendo muitos gols e fazendo boas partidas.
O principal destaque na temporada é sem dúvidas o garoto Leandro Damião, com uma média impressionante de gols e convocação para a seleção brasileira. Dentro da competição, Bollati e Oscar são peças importantes para o esquema colorado.
O atual campeão da América tem a classificação encaminhada, e grandes chances de repetir o feito do ano passado.

Grêmio: O Tricolor gaúcho está um pouco abaixo do que os torcedores esperavam, com 7 pontos em 4 jogos e atuações medianas, mas mesmo assim está virtualmente classificado. Com duas boas vitórias em casa, mas sem sucesso fora, com um empate e uma derrota para o Júnior Barranqulla, time de melhor campanha até agora.
Quanto ao time, algumas dúvidas sobre a escalação de Carlos Alberto e o titular na lateral-esquerda, disputada por Gilson e Bruno Collaço, já que Lúcio está sendo escalado como meia.
Como destaque Rodolfo vem conquistando a torcida se transformando no xerife da zaga, sempre marcando forte.

Fluminense: A situação está feia para os lados do atual campeão brasileiro. Com apenas 5 pontos em 4 jogos, sendo 3 disputados em casa, o Tricolor carioca precisa de duas vitórias contra o Nacional do Uruguai e Argentinos Júniors longe do Rio de Janeiro.
A má campanha na competição fez o técnico Muricy Ramalho sair do cargo de treinador. O mais impressionante é a quantidade de 'não' que o Flu levou pelos treinadores que convidou. A batata quente caiu na mão de Enderson Moreira (até Abel Braga chegar), que conseguiu a primeira vitória do Flu na última partida.
Como nos primeiros três jogos o Fluminense foi um desastre, podemos colocar como destaque Deco, que entrou no jogo contra o América e participou da virada.
Em meu ver, o Fluminense não se classifica.

Santos: Mais um com a corda no pescoço. O time dos garotos só tem 2 pontos em 3 jogos e se quiser continuar vivo precisa vencer todos os jogos que restam, são dois em casa contra Colo-colo e Táchira e um fora, contra o líder Cerro Porteño.
Uma característica do time foi muito criticada, e visivelmente feita na derrota para o Colo-colo no Chile: o time se joga demais e não acredita nas jogadas. Isso fez com que o Santos perdesse chances, levasse um gol e ainda ter o castigo de aprender como se faz, pois Paredes acreditou na jogada e fez um golaço.
Precisa-se mais objetividade e menos preciosismo. Gol é gol, não importa como se faz. Futebol é jogo de contato, e Libertadores se evidencia isso mais ainda, não se pode ficar caindo toda hora.
Por erros iniciais, o Santos, em minha opinião, não passa para a segunda fase.

6 comentários:

Bia Carmo comentou:

A decepção foi o San7os. O Flu fez a mesma coisa que o Fla ano passado. Logo após a vitória do Brasileirão, não conseguiu voltar a ser aquele time de antes.

27 de março de 2011 13:51
Lucyano comentou:

Boa análise, parabéns pelo blgo

http://cinemaparceirodaeducacao.blogspot.com/

27 de março de 2011 14:01
Glal comentou:

O Cruzeiro é a aposta de todos.belo blog!
http://juventudeinformada.blogspot.com/

27 de março de 2011 14:12
Macaco Pipi comentou:

esse ano tá bem fraco :s

27 de março de 2011 15:18
St.André comentou:

Times Brasileiros estão devagar esse ano, o Santos e Fluminense uma decepção, Grêmio e inter tão levando mais sem muito alarde só o Cruzeiro que está mandando bem e o meu time Corinthians foi uma vergonha total, mais ainda acho que quem vai ser campeão é o Cruzeiro.
startte.blogspot.com

27 de março de 2011 15:28
Os mercenarios comentou:

Ola Eu sou dono do blog os mercenarios
que é um blog de indicação de afiliados
até o momento com 180 visualizações diarias
mas esta sempre eumentando ontem mesmo era 140 hj já aumentou pois estou investindo nos mecanismos de busca o meu blog só tem uma semana mais vai indo perfeitamente bem sempre evoluindo
http://usmercenarios.blogspot.com/ semana que vem o servidor liberara o nosso email e domino personalizado fique atento nas atualizações

Estou propondo uma promoção
visite o blog vera que tem varias dicas e com elas muitas vantagens
a promoção é a seguinte: se vc se cadastrar ao menos na dica 1 tera o seu link divulgado na lista de recomendações do blog garanta-se na primeira pagina

e você tera muitas vantagens que nossos promotores proporcianam aos afiliados

Apos Efetuar o cadastro envie o link do seu site/blog para o email: diego_ass@terra.com.br a providenciaremos a publicação assim que seu site for aprovado pelos promotores.

se tiver dificuldade no cadastro me adicione no msn para que eu possa te auxiliar diego_ass@terra.com.br
atenciosamente: Diego

30 de março de 2011 21:58

Postar um comentário