1

Com provocação e tudo, Palmeiras vence clássico histórico

Em jogaço, depois de estar perdendo de 2 a 0, o Palmeiras conseguiu a virada e a vitória, tanto no placar quanto nas provocações das dancinhas, foi hilário. Literalmente, o Verdão dançou o vira pra cima do Peixe.

No início de jogo, como todos esperavam, o Santos dominou o jogo e conseguiu 2 gols antes dos 30 minutos do primeiro tempo. O primeiro, foi uma grande falha de Pierre, que bateu a bola de rosca e deu a chance do Santos executar sua principal arma, o contra-ataque. A bola parou no pé do lateral Pará, que cortou, e fez um golaço, sem intenção. Encobriu Marcos e a bola entrou no ângulo. E veio a primeira dancinha..

O Santos cada vez mais mandava no jogo, e o segundo gol não demorou a chegar. Aos 29', P.H Ganso deu um passe impressionante para Neymar, que dominou, escorregou, chutou no pé de apoio e encobriu Marcos. 2 a 0 e mais uma dancinha..

Porém, Clássico é Classico e vice-versa. Após cruzamento de Cleiton Xavier, Robert se antecipou a Felipe e fez de cabeça. Isso aos 41', e a comemoração foi tranquila..

1 minuto depois, Diego Souza deu belo passe de calcanhar para Armero, que deu um passe para Robert bater no contra-pé do goleiro e fazer o segundo dele e do Palmeiras. Aí foi a comemoração mais engraçada que eu vi ao vivo.. Alguns dançaram o Rebolation, mas, o Pablo Armero, foi realmente engraçado, o colômbiano baixou a lacraia. Veja o gol e a dança no vídeo abaixo:

video Comente

Mas, voltando ao jogo, e ao segundo tempo, Ewherton perdeu um gol incrível, mas Diego Souza não. Após novo cruzamento de Cleiton Xavier, Léo desviou de cabeça e acertou a trave, na volta o craque só empurrou para as redes. Vira - vira verde aos 12 minutos e dancinha do próprio vira-vira.

Os garotos santistas desapareceram, Robinho esteve desaparecido durante todo o jogo. Foi o baixinho Madson, que entrou no segundo tempo, que empatou para a turma da vila. Ele recebeu outro passe magestral de Ganso e chutou cruzado para empatar aos 35, comemorando imitando um porco.

Neymar, perdeu a cabeça e fez falta forte em Pierre e foi merecidamente expulso.

Mas aos 43', a vitória veio com o 'had trick' de Robert. Ele recebeu a bola após erro bizonho de Arouca, e fez um golaço com um chute de fora da área, com mais uma dança na comemoração.

O Palmeiras fez o badalado Santos, dançar conforme a música.

Por: Caetano Lorenzetti

1 comentários:

mano comentou:

O Armeration tion, o Armeration, O Armeration tion, o Armeration, Armeration é bom bom, Armeration é bom bom bom....


SANTOS O CARALHO, LUGAR DE PEIXE É DENTRO DO AQUÁRIO

15 de março de 2010 16:46

Postar um comentário